Decisões de Alto Valor: Sacrifício Necessário

08.04.2017

Que toda escolha implica em perdas, e toda perda implica em sacrifício, isso você já sabe. Mas, neste artigo vamos falar sobre como potencializar a nossa performance através de todo esse contexto.

Quando me refiro a sacrifício, ao contrário do que muitas pessoas possam remeter em suas mentes, eu estou falando na verdade de vida, de performance e de conquista de resultados extraordinários. Sempre que abordo este tema acabam por surgir alguns questionamentos, por exemplo:

Se sacrifico algo eu estou perdendo? Se estou perdendo estou saindo no prejuízo? Se saio no prejuízo com isso pode ser bom?

Enfim, esses são apenas algumas das questões que surgem sempre que abordo este tema. Talvez, por isso, tenha passado a chamar o sacrifício de “Decisões de Alto Valor Agregado”.

Agora melhorou? É mais socialmente aceito este tipo de abordagem né? Menos agressivo, menos contundente, menos doloroso?

Pois bem, um dia falaremos a respeito dos motivos que fazem o “socialmente aceito” ser um dos maiores produtores em larga escala de frustrados e fracassados, mas, como disse, isso será tratado em um outro momento.

Voltando ao sacrifício ou às “Decisões de Alto Valor Agregado”…

Quero trazer para você uma citação do Conde de Saint Germain: “Querer é poder; poder e saber se abster é poder um milhão de vezes mais!”

Toda vez que leio essa frase me vem a cabeça duas questões inerentes a toda pessoa que vive em máxima performance e conquista resultados extraordinários de forma recorrente. Uma delas é o livre arbítrio ou seu poder de decisão e, a outra, é justamente o sacrifício.

Como eu defino a frase do Conde de Saint Germain: “Se eu quero, eu posso, basta que eu utilize o meu livre arbítrio e ponto, aquilo estará ao meu alcance. Agora mesmo querendo e podendo, se eu me sacrificar, se tomar uma decisão de alto valor agregado, abrindo mão momentaneamente de algo que é importante para mim em prol de algo que possui um valor muito maior, então meu poder aumenta consideravelmente!”

Para ficar mais claro, vou utilizar um exemplo:

Eu quero sair para me divertir e eu posso sair, basta que eu tome essa decisão. Contudo, muito mais que me divertir, neste momento eu quero focar no meu projeto ou na minha empresa, pois é muito mais importante para mim. Ainda que, para isso, eu tenha que abdicar momentaneamente de momentos de lazer e diversão, eu decido sacrificar esses momentos para focar naquilo que faz mais sentido para minha vida.

Ou seja, eu tenho o poder de me divertir, mas me abstenho desse poder para focar em algo muito maior e mais importante.

Agora aqui existe um detalhe importantíssimo! MOMENTO!

Nesse exemplo eu sacrifico momentos de lazer e diversão para trabalhar, isso quer dizer que para viver em alta performance eu vou precisar sempre sacrificar minha diversão em favor do meu trabalho?

E a resposta é, NÃO!

Tudo depende do objetivo que move a sua vida naquele período.

Podemos usar esse mesmo exemplo em um MOMENTO diferente:

Estou altamente focado no meu projeto, na minha empresa e isso está me fazendo ficar extremamente estressado e percebo que minha performance está sendo afetada. Portanto, naquele determinado dia eu posso continuar trabalhando, como também posso sacrificá-lo em favor de dar um descanso para a minha mente e o meu corpo e sair me divertir com a minha família ou com os meus amigos.

Simples assim, toda decisão vai implicar em alguma perda, e toda perda implica em sacrifícios!

Sacrifique sem medo:

Nenhum de nós, por melhor que seja, conseguirá se dedicar a todas as áreas de sua vida integralmente durante todo o tempo, todos os dias. Fatalmente, você terá que tomar decisões e sacrificar alguma coisa em cada decisão tomada.

O mais importante de tudo isso é você estar presente para o seu MOMENTO e tomar as decisões mais assertivas em favor de cada área, todos os dias, abrindo mão sempre aquilo que sabe que pode, em prol de algo maior.

Portanto, torne-se amigo do sacrifício! Ele não existe para te fazer perder punir ou te subjugar, ele existe para te conscientizar daquilo que é mais importante para você em um fase específica e, principalmente, para te trazer muito mais poder.

Afinal, se eu me abstenho de algo que quero e gostaria de fazer em favor de executar outra ação ou tarefa, eu a farei com todas as minhas forças e no pico da minha performance. Porque eu poderia estar empregando aquele tempo para fazer alguma outra coisa, mas eu decidi estar ali, logo, vou fazer com toda intensidade, com toda vontade e com o melhor de mim!

Agora seja sincero, quando você executa uma atividade dessa forma, acha mesmo que é possível ela não te trazer resultados extraordinários?

A resposta certa você saberá assim que passar a viver de sacrifício em sacrifício!

Receba novidades por e-mail CadastroGratuito

Receba em Seu E-mail o Mais Atualizado Conteúdo Sobre Coaching e Desenvolvimento Pessoal do Brasil

Comentários:

  1. Eu também quero colaborar!

  2. O que estou sacrificando momentaneamente é o convívio constante com a minha família.

    1. Fernando Magoga

      Bruna, a convivência familiar definitivamente é um sacrifício que dói… Contudo se levar em conta cada segundo que voce sacrifica com sua família para se dedicar ao seu objetivo, pode ter certeza que seu foco, sua intensidade, sua obsessão pelo resultado é sua disciplina na busca dele irão aumentar consideravelmente e o resultado é praticamente impossível de não ser alcançado!

      Ninguém disse que seria fácil, mas certamente o resultado será muito recompensador!

  3. The finest sites and blogs and forums centered on literature and learning? cdedkeaefdggbccf

  4. I really like your writing style, fantastic information, thanks for putting up kfegadeecdebaddd

  5. permethrin toxicity in cats bessant ddddaedaefedacff

Deixe seu Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crie seu fututo – 914×172