O Que Não Fazer Numa Sessão de Coaching?

05.12.2017
Crie seu futuro – 728 x 90

O que nunca fazer numa sessão de coaching é uma questão muito abrangente, mas selecionei uma das coisas que sempre recomendo aos participantes dos meus programas de supervisão e mentoria.

É muito importante, dentro de um processo de coaching, ter clareza que nós somos coaches! Não somos terapeutas nem consultores.

Terapeutas nos ajudam a elaborar o passado para lidarmos melhor com ele e tornarmos seres humanos mais maduros. Então, o coach pode até ser psicólogo, mas numa sessão de coaching, ele está no papel de coach. É muito importante separar os papéis!

O coach também é diferente de um consultor ou mentor, que vai mostrar um passo a passo para solucionar um problema que estamos passando agora ou para atingir determinado resultado. Mas dentro de um processo de coaching, é fundamental que o coach não traga seu conteúdo e sua experiência para a sessão. Dentro de uma sessão de coaching o conteúdo do coach é irrelevante!

Isso mesmo!

Vou até confessar um caso pessoal para mostrar como é importante o coach não colocar a sua experiência no processo.

Olha o que aconteceu: O meu coachee tinha uma empresa considerável dentro de um setor, com mais de 20 anos de atuação. Mas acabou tomando algumas decisões equivocadas e ele assumiu uma dívida muito grande.

Então, quando chegou no meu “coachtório”, ele estava num dilema. Seus pais sempre o educaram para honrar seus compromissos, mas seus assessores estavam orientando para decretar falência, proteger seu patrimônio e enrolar a dívida.

Naquele momento eu poderia dar um pitaco e ser consultora, até porque tenho MBA em Administração e experiência na gestão de empresas. Mas resolvi ser coach… e isso foi fundamental.

Para encurtar, aqui vou revelar apenas o resultado do processo. Ao longo do processo, ele descobriu que sua empresa tinha outros ativos, como as certificações para participar de licitações.

Então ele formou uma parceria, montando um consórcio, no qual se a licitação for ganha, a empresa parceira iria comprar a sua, e com isso a sua dívida.

Isso é coaching.

Ele saiu de uma dívida de quase R$8 milhões para embolsar cerca de R$500mil.

Se tivesse atuado como consultora nunca teria esse resultado.

Então coach, lembre-se: seu conteúdo é irrelevante!

Ajude o seu coachee a achar respostar em si mesmo

Use o coaching para despertar no coachee os recursos que ele já tem. Ajude ele a olhar fora da caixa, ver alternativas para atingir seu estado desejado e ter um salto quântico na sua vida.

Para que isso aconteça, seu conteúdo deve ficar de fora.

Agora, se quiser expor sua opinião numa sessão de coaching, deixe bem claro que está abrindo um parênteses e exercendo um outro papel.

O que é dito numa sessão é levado muito a sério pelo coachee e o sucesso dele depende de você manter o papel de coach de excelência.

Envie para falecom@channavasco.com.br uma mensagem contando como este artigo ajudou você a ter mais excelência em coaching!

Receba novidades por e-mail CadastroGratuito

Receba em Seu E-mail o Mais Atualizado Conteúdo Sobre Coaching e Desenvolvimento Pessoal do Brasil

Deixe seu Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *