Objetivos Profissionais: Aprenda a Defini-los para o seu Currículo

12.07.2017

Saber o que fazer na vida, ou melhor, o que fazer profissionalmente, não é uma tarefa fácil. Aliás, são poucos os que realmente sabem responder isso. Contudo, essa é uma informação primordial para um bom currículo, que geralmente aparece identificada como objetivos profissionais!

É essa a informação que vai apontar ao selecionador se as suas perspectivas serão atendidas pela vaga oferecida. Por isso, veja a seguir algumas dicas para definir bem os seus objetivos profissionais no currículo.

Pesquise as possibilidades de atuação

Para quem é recém-formado ou está buscando recolocação profissional, uma boa forma de começar a definir os objetivos profissionais é fazer uma boa pesquisa sobre a área que se deseja trabalhar. Dessa forma, será possível ver todas as possibilidades de atuação na área para conhecer as funções de cada uma delas.

Isso é recomendado, inclusive, para quem já trabalha ou trabalhou no setor desejado, pois ajuda a rever e até descobrir novas possibilidades de atuação.

Selecione suas preferências

Feita a pesquisa das possibilidades de atuação e conhecidas as funções, o passo seguinte é eliminar tudo aquilo que você não se identificou e selecionar suas preferências. Assim, o funil aperta, se chega mais perto do que se gosta e há mais chances de conseguir um emprego de acordo com as suas expectativas. É o caminho para atingir o sucesso profissional.

Analise o passado e olhe para o futuro

Não adianta se identificar com uma possibilidade de atuação, se ela está muito acima ou muito abaixo do seu nível de conhecimento e experiências. Isso demonstra falta de foco e de um plano de carreira. Portanto, é preciso alinhar os objetivos profissionais com o que se viveu, mas também com o que se pretende conquistar.

Evite objetivos profissionais genéricos

Isso é válido para todos! Independente da profissão, conhecimentos ou cargo, sempre evite os objetivos profissionais genéricos. Isto é, descarte todas as possibilidades que não mencionem o nível, a área e o campo de atuação desejado. Como o nome sugere, os objetivos profissionais precisam ser objetivos, curtos e ir direto ao ponto!

Dica extra

Por fim, vale mencionar que, embora todas as orientações mencionem objetivos profissionais, no plural, em seu currículo a recomendação é inserir apenas um. Isso, no entanto, não te impede de ter vários CVs, com objetivos diferentes, o que é uma ótima estratégia para duas situações:

1. Para quem se identifica com mais de um campo de atuação; e

2. Para quem está se candidatando para vagas de empresas muito distintas.

E para aprender mais sobre recrutamento e seleção, continue navegando no Portal Coaching. Aqui é possível encontrar diversas dicas e orientações que certamente vão favorecer o seu crescimento profissional. Confira!

Receba novidades por e-mail CadastroGratuito

Receba em Seu E-mail o Mais Atualizado Conteúdo Sobre Coaching e Desenvolvimento Pessoal do Brasil

Deixe seu Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *