Ressignificar: Como Utilizar Isso na Sua Vida?

13.06.2017
Crie seu futuro – 728 x 90

Você já deve ter ouvido falar na palavra “ressignificar”. Mas, muitos não sabem o que é isso, ou mesmo até sabem o significado, mas não como utilizar isso em sua vida.

Então, eu vou dar um exemplo para ficar mais fácil de explicar como fazer para ressignificar uma situação, um sentimento, ou mesmo uma memória que te deixa triste e/ou desconfortável.

Imagina que você passou por privações quando era criança. Por exemplo, seu pai ou sua mãe, por trabalharem demais, acabavam não te dando a atenção e o carinho que você merecia e precisava. Você cresceu sem esse carinho e acabou acreditando que não fez por merecer amor, ou que seus pais não te amavam o suficiente para te dar atenção, ou passou a crer que eles não deram o carinho porque não tinham intenção mesmo.

O que acontece quando você acredita nisso? Quais as atitudes você tem quando sente esse vazio dentro de você? Como você se comporta em relação a seus pais quando pensa que eles te negaram amor? E assim por diante, você pode se fazer vários questionamentos em relação a esta situação. E acredito que para todas estas perguntas, a resposta deve ser que: Todo filho merece ser amado e assim por diante, não é?

Todas as respostas te levam a ter um sentimento de ingratidão, revolta, insegurança e injustiça. Aí você me pergunta: “Como posso ressignificar esta situação?”. Realmente os pais devem dar amor, atenção e carinho para seus filhos. Isso é verdade, é um fato, e não tem como voltar ao passado e mudar esta situação.

Aí que vem todo o trabalho da ressignificação. Dar um novo significado para esta situação, fazer as perguntas que vão te levar as melhores respostas. Trazer um novo sentido para este sentimento ruim dentro de você.

Neste exemplo que dei, as perguntas podem ser: Seus pais receberam carinho de seus avós? Eles tinham outra forma de sustentar a casa, que não fosse trabalhando muito? Eles não te deram carinho, mas te deram o melhor que podiam te dar em termos de educação, saúde, alimentação, estudos e tudo mais que você precisava para viver? Eles te deram segurança e princípios, para você se desenvolver como humano? Eles realmente nunca te davam atenção, ou te davam menos do que você necessitava? Faça perguntas e veja como se sente com as respostas que obtém de seu coração.

Quando você olha por outro ângulo, você consegue até enxergar coisas boas, vindas de uma situação que sempre pareceu ser somente ruim.

Neste caso específico, imagina que sua resposta para a pergunta sobre ter recebido amor de seus avós, seja que eles foram criados por pais totalmente autoritários e sem afeto, ou perderam seus pais cedo e nem souberam o que era ser amado por eles. Você pode se dar conta também, que seus pais não eram tão afetuosos e carinhosos com você, mas sempre se preocuparam em te dar tudo de melhor e por conta disso, tiveram que dar muito duro no trabalho e por isso chegavam exaustos em casa e doidos para jantar tomar um banho e dormir, pois no dia seguinte tinham um trabalho árduo pela frente. Tudo isso somente para que você pudesse ter uma vida confortável e um futuro melhor que o deles, não precisando se matar de trabalhar para sustentar a casa e seus filhos.

Você pode fazer outras perguntas, como por exemplo: Quem você se tornou crescendo com pais que não te deram a atenção que você merecia? O que você pode fazer diferente em relação a seus filhos? E pode se dar conta que esta situação ruim, te fez uma pessoa mais determinada, mais atenta às necessidades de próprios seus filhos. Enfim, te tornou uma pessoa que pode entender que, independente de seus pais não terem demonstrado afeto em forma de atenção plena e carinhos, eles fizeram de tudo para te dar uma vida melhor do que a que tiveram em suas infâncias e vida adulta.

Você pode olhar para eles com outro “olhar”, pois ao responder essas perguntas, pôde constatar que apesar de tudo, sempre houve muito amor envolvido, apenas não em forma de afagos e carinhos.  De forma alguma faltou o amor verdadeiro, não faltou o bem querer, o desejar que a sua vida fosse de menos sacrifícios que a deles. E como diz a música do Jota Quest: “Se isso não é amor, que mais pode ser?”

E é disso que estou falando, pois isto é ressignificar, é dar um novo significado para as nossas dores, nossos ressentimentos, mágoas e todos os sentimentos que nos deixam inquietos e para baixo.

Podemos fazer isso em várias situações de nossas vidas, tanto do passado, quanto do presente.

Espero ter te ajudado a dar um novo olhar para situações que te levam a ter sentimentos ruins. Te convido a olhar as situações de outros ângulos, com menos censura e mais amor, com mais atenção e sensibilidade, deixando o ego de lado e buscando as melhores perguntas e assim tendo as melhores respostas.

Que você possa ressignificar e deixar ir, tudo aquilo que não te faz bem. E possa ser mais leve e ter uma vida mais feliz.

Receba novidades por e-mail CadastroGratuito

Receba em Seu E-mail o Mais Atualizado Conteúdo Sobre Coaching e Desenvolvimento Pessoal do Brasil

Comentários:

  1. Perfeito, muito bem explicado.

  2. Adorei…me deixou reflexiva ! Vou apostar nessa prática.

Deixe seu Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crie seu fututo – 914×172