Sua Nota Para o Ano de 2017 Diz Muito Sobre Você

05.01.2018
Crie seu futuro – 728 x 90

De 0 a 10, qual é a nota que você atribui a 2017?

Se 2017 fosse uma pessoa, que nota ela atribuiria a você?

Isso mesmo, qual nota o ano de 2017 daria a você se ele pudesse fazer isso?

Você respondeu? Caso ainda não tenha respondido, volte e responda essas perguntas.

A primeira pergunta é relacionada ao exterior. A segunda e terceira pergunta são direcionadas ao seu eu interior.

Todas as perguntas foram respondidas por você. Às vezes é necessário nos desligarmos de nós mesmo para termos uma visão melhor. 

O ser humano tem dentro de si um poder estrondoso e é capaz de fazer qualquer coisa quando realmente está disposto. O problema é que muitas pessoas passam o ano meio que querendo conquistar alguma coisa e acabam por se frustrar. Querer algo dá ao indivíduo a sensação de ter dado o seu melhor, porém não foi isso que aconteceu.

Muitas pessoas dizem: “Poxa vida, esse ano foi horrível, foi o pior ano de minha vida”. Outras pessoas dizem: “Já não espero mais nada do ano novo, todos os anos eu faço planos e nada dá certo”.

Agora vamos refletir: O problema é o ano ou a pessoa que vive aquele ano?

Logicamente o ano não tem nada a ver com nenhum problema que a pessoa enfrentou. Se não tivéssemos a separação de anos, esse problema não teria ocorrido?

É claro que teria ocorrido, a diferença é que a pessoa não teria uma data para culpar.

Os problemas ocorrem devido às decisões que tomamos, então os problemas que aconteceram em 2017 foram reflexos de atitudes tomadas dentro do ano e em anos anteriores.

Como disse anteriormente, o ser humano é um ser extremamente poderoso! A mente humana é fantástica!

Já parou para pensar nas invenções humanas?  Já parou para observar as inovações? Já percebeu que ano após ano um atleta desenvolve ainda mais capacidades? Já parou para pensar que recordes são quebrados todos os anos?

O ser humano é capaz de ir além e de se superar, porém muitos acreditam que isso é uma dádiva destinada a alguns.

Todos nós somos capazes de superar os nossos limites.

Então o que difere alguém que diz: “Uau, que ano magnífico” de uma pessoa que diz: “Que ano horrível”?

Assumir responsabilidades. Ambas as pessoas tiveram o ano que mereceram devido às decisões que tomaram ao longo dos anos.

Enquanto o grupo que viveu um ano magnífico assumiu as responsabilidades por tudo, o grupo que viveu um ano terrível atribui os seus problemas a pessoas e coisas.

O ano não tem nada ver com o nosso fracasso ou sucesso, ele serve apenas para termos uma data base de algum acontecimento.

Sucesso e fracasso estão relacionados com nossas atitudes, então se o ano foi horrível de quem é a culpa?

Depois de responder essa pergunta eu quero que responda a pergunta abaixo:

Quem é o responsável pelo seu sucesso em 2018?

Agora vamos intensificar o que você aprendeu.

Quais das perguntas abaixo uma pessoa que vai assumir as responsabilidades por suas ações precisa responder?

1 – O que eu espero de 2018?

Ou

2 – O que 2018 pode esperar de mim?

Não precisa dizer um número, apenas pegue um papel e uma caneta e responda para você mesmo.

2018 é o ano para você investir em seu próprio desenvolvimento. O meu desejo é que ao final do ano que se inicia, você dê uma nota 10 para ele e que você também dê uma nota 10 para você com base em suas atitudes.

Não estou dizendo que você não vai errar, estou dizendo para você assumir as responsabilidades e crescer caso cometa erros. Tudo é aprendizado.

O nosso mundo interior cria o nosso mundo exterior, então 2018 será um ano inesquecível se você fizer dele um ano inesquecível.

Repito: Invista em você neste ano. Participe de treinamentos, workshops, palestras, cursos, assista vídeos que auxiliam no seu crescimento e contrate alguém que te ajude a ser melhor.

É você quem cria o seu futuro.

 

Receba novidades por e-mail CadastroGratuito

Receba em Seu E-mail o Mais Atualizado Conteúdo Sobre Coaching e Desenvolvimento Pessoal do Brasil

Deixe seu Comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *