Qual é o Conceito de Empreendedorismo Aplicado nas Startups Brasileiras

O brasileiro tem fama de ser um empreendedor nato. Mas, afinal, qual o conceito de empreendedorismo? É apenas abrir um negócio próprio? Nas startups brasileiras, que tem feito sucesso nos últimos anos e em diversos lugares do país, não é bem assim.

O conceito de empreendedorismo está intimamente ligado a essas novas empresas. E se você quiser entender o porquê, confira a seguir o real significado de empreender, como também uma análise do tipo de empreendedorismo usado na criação das startups.

O que é empreendedorismo?

De acordo com dicionários da língua portuguesa, a palavra empreender — que deu origem ao termo empreendedorismo — significa propor-se, tentar e pôr em execução. Já a palavra empreendedorismo, está ligada ao caráter ou ação de um empreendedor.

Ainda assim, existem muitas versões de estudiosos diferentes sobre o que realmente é o empreendedorismo. Mas, muitos deles, concordam que o termo significa colocar uma ideia em prática, começar um novo negócio, criar um produto ou desenvolver projetos diferentes, inovadores e com valores.

Além disso, o termo também está diretamente ligado à identificação de oportunidades ainda não exploradas, em prol de um negócio lucrativo. Sabendo disso, confira agora o que é uma startup para conseguir compreender o conceito de empreendedorismo que é aplicado a elas.

O que é uma startup?

A palavra startup está ligada ao ato de iniciar algo. Porém, nem toda nova empresa é considerada uma startup. Para assim ser classificada, é preciso que haja um grupo de pessoas trabalhando em prol de uma ideia diferente, com a possibilidade de entregar os produtos em escala ilimitada, com alto potencial de crescimento e rentabilidade, mas, em contrapartida, com muitas incertezas sobre o seu futuro e sem capital de risco.

Assim, pode se dizer que a inovação é uma das características mais fortes das startups. Porém, o cenário de risco em que uma jovem empresa está inserida também é determinante para considerá-la ou não uma startup.

Conceito de empreendedorismo nas startups

Diante do que foi exposto, já é possível ver que o ato de empreender e as startups estão diretamente ligadas. Mas, afinal, qual o conceito de empreendedorismo nas startups brasileiras?

Esse conceito está na junção da definição de empreendedorismo e de startup — onde, nos dois casos, a criação de um negócio aparece como destaque —, mas também no ato de propor-se a executar uma ideia criativa, muitas vezes única no mercado, e de assumir riscos extremos do projeto dar errado.

É exatamente esse o conceito de empreendedorismo usado nas startups brasileiras. Nesse tipo de negócio, é necessário alto nível de inovação, criatividade para trabalhar com investimentos e valores já fechados, disposição para desempenhar diversas funções dentro da empresa, visão apurada de oportunidades, conhecimentos básicos necessário para empreender, como o entendimento de administração, dentre outros fatores.

Agora, aproveite que está aqui e descubra muito mais sobre a criação de um novo negócio na seção de empreendedorismo, em nosso blog. Acesse!