Propósito de Vida: Trabalhe Com o que Você Ama

Estes dias fiz uma pesquisa com o seguinte questionamento: “Se você não precisasse trabalhar por dinheiro. No que você trabalharia? O que faria só pelo prazer de estar trabalhando?”

Vou expor aqui uma compilação das respostas.

Degustador de chocolate, café e vinho; Cultivar orquídeas, flores; Cuidar de animais, trabalhar em defesa das aves silvestres; Professora infantil; Cuidadora de idosos; Plantio e cultivo de grãos; Trabalhar com vendas e Marketing; Fazer caridade, ajudar pessoas.

Note que eu escolhi as respostas e expus as mais relevantes. Mas, se pararmos para pensar um pouco “fora da caixa”, com esforço, dedicação e criatividade, todas estas pessoas poderiam estar fazendo as coisas que dizem que amam, com um propósito de vida. Além disso, elas estariam recebendo a mesma, ou maior remuneração que a atual, trabalhando em algo que amam fazer.

A parte de fazer caridade e ajudar pessoas nós devemos praticar sempre, independentemente da situação, portanto, ela também entra nesta questão.

Enfim, estamos em um mundo em que somos condicionados a certos padrões e certas regras. Acabamos nem nos dando conta de que é mais fácil viver a vida da forma que desejamos, com um propósito, do que podemos imaginar.

Por senso comum, vivemos em um lugar que não queremos, trabalhamos em algo que não nos dá nenhum tipo de prazer (às vezes, até odiamos o que fazemos), vivemos comprando coisas que não precisamos, para agradar pessoas que não gostamos, com o dinheiro que não temos.

Encontramos pessoas que até acham impossível se viver fazendo o que se ama. Quando falamos algo assim, elas chegam a se perguntar; “- De que planeta essa pessoa veio? ”

A missão do propósito de vida

Quando eu me pego pensando nestas questões eu percebo que nosso universo do Coaching tem muito trabalho pela frente. E que, com um pouco de criatividade, podemos começar a fazer  um mundo melhor, começando por nós. Iniciando por levar a ideia de uma vida que se deseja a mais e mais pessoas, formando uma “teia” de seres vivendo com propósito, mais felizes, realizados e plenos.

Eu acredito que esta é nossa missão. Auxiliar as pessoas a descobrirem que devem fazer mais coisas que amam, aproveitar mais a vida e deixar um legado pelo qual serão lembradas, enquanto ainda podem fazer isso.

E por isso eu decidi ajudar um milhão de pessoas a entenderem como nossas mentes funcionam e tirar proveito disso, colocando ela a trabalhar a nosso favor.